O brasileiro descobre Portugalvoltar

Publicado em : 27/09/2017
O brasileiro descobre Portugal
Arte viva nas ruas de Lisboa atraem os turistas. Crédito: Luciana Paiva

Produzir a reportagem sobre o agronegócio em Portugal foi muito agradável, pois, o país é lindo e seu povo, realmente, tem no DNA o dom de saber receber. Para o brasileiro, é uma aula de história viva. E para jornalistas especializadas em agronegócio, cada cantinho apresenta atrativos que unem modernidade e tradição de forma muito harmoniosa, gerando material para a produção de muitas e muitas notícias. O país é pequeno, 800 quilômetros o separam de norte a sul, mas há tanta coisa interessante para se ver, que nos vinte dias que ficamos em solo português, percorremos quase 2 mil quilômetros, parece muito, mas não é, pois das 14 regiões produtoras de vinho, só visitamos quatro.

O Brasil é o quinto país que mais visita Portugal, só perde para quatro outros países europeus. Em 2016, informa Bernardo, 624,5 mil turistas brasileiros desembarcaram nas terras lusitanas, um recorde. Mas, os números registrados no primeiro trimestre de 2017 levam a crer que esse marco será batido, pois apresenta crescimento de quase 50% em relação ao mesmo período do ano passado, seguindo esse ritmo, mais de 1 milhão de brasileiros visitarão Portugal em 2017.

Para Bernardo Barreiros Cardoso, diretor do Escritório Turismo de Portugal, do Consulado-Geral de Portugal, em São Paulo, esse aumento deve-se ao fato de que os brasileiros quando chegam a Portugal ficam positivamente surpresos com o que encontram, gostam tanto, que não só querem voltar, como indicam para parentes, amigos e também nas redes sociais. “O brasileiro tem a visão de que Portugal é um país antigo, ultrapassado, por isso, busca outras opções na Europa. Mas quando vem e percebe que unimos modernidade com autenticidade, fica surpreso. O que lhe agrada muito é falarmos a mesma língua, isso traz a sensação de proximidade. Outro fator importante é o jeito agradável de receber do português, o brasileiro se sente como se estivesse em casa. Tudo isso, aliado à segurança e tranquilidade, atributos muito valorizados, pois o visitante pode circular, até mesmo por altas horas, sem medo.”
Veja matéria completa no Caderno O Agro Pelo Mundo, na edição 46 da revista Digital CanaOnline. No site www.canaonline.com.br você pode visualizar as edições da revista ou baixar grátis o pdf.
Mas se quiser ver a edição com muito mais interatividade ou tê-la à disposição no celular, baixe GRÁTIS o aplicativo CanaOnline para tablets e smartphones - Android ou IOS.


Fonte: CanaOnline
  • Imprima
    esse Conteúdo
  • Envie para
    um amigo
  • Compartilhar
    o conteúdo
  •  
  •  
  •  
  •  
  •